Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade e o uso de cookies Aceitar

Tratamento da Água de Compensação

 

Tratamento da Água de Compensação 
Filtração, Descalcificação, Desinfeção e controlo de pH


Condicionamento químico em torres de refrigeração 
Inibição de corrosão, incrustações, controlo biológico e dispersão
 SAIBA MAIS 
Filtração e Recirculação 
Aumento de eficiência energética e redução de custos operacionais
 SAIBA MAIS 
 IMG  
Apoio Técnico in situ

 SAIBA MAIS 

Descalcificação

Os compostos inorgânicos como o carbonato de cálcio, fosfato de cálcio, os silicatos de magnésio, entre outros que se encontram dissolvidos na água podem precipitar quando sujeitos a determinadas condições, formando incrustações. As condições de operação encontradas na maioria dos sistemas constituídos por torres de arrefecimento são potenciadoras destes fenómenos.

A deposição dos precipitados cristalinos nas superfícies metálicas pode resultar em problemas de operação e manutenção:

  • Diminuição da capacidade de permuta térmica em sistemas onde existam equipamentos de permuta de calor;
  • Necessidade de paragens para manutenção/reparação e limpeza dos circuitos.

 

Existem alguns fatores determinantes para a formação de incrustações:

  • Temperatura;
  • pH;
  • Quantidade de compostos capazes de formar incrustações;
  • Influência de outros materiais que se encontram dissolvidos e que podem também incorporar a estrutura das incrustações formadas.

SAIBA MAIS

 

Benefícios da Descalcificação

  • Redução de custos energéticos através de uma melhor permuta térmica (por ausência de incrustações nas tubagens);
  • Diminuição dos custos de manutenção e limpeza dos circuitos e permutadores;
  • Otimização do uso de soluções químicas.

SAIBA MAIS

 

Desinfeção

O crescimento microbiológico descontrolado pode conduzir à formação de depósitos e acumulação de sedimentos que são responsáveis por existência de lamas, corrosão e formação de incrustações.

A origem dos microrganismos presentes na água de torres de arrefecimento pode ter duas proveniências:

  • Água de compensação;
  • Arrastamentos de matéria orgânica e microbiológica para o interior da torre através do sistema de ventilação.


O crescimento microbiológico vai ser influenciado por fatores como:

  • Disponibilidade de nutrientes (nomeadamente, fontes de átomos de carbono, entre outros);
  • Existência de oxigénio e dióxido de carbono;
  • Exposição solar e percentagem de humidade;
  • Temperatura.

A desinfeção da água de compensação de circuitos de torres de arrefecimento pode ser realizada através do doseamento de biocidas oxidantes ou biocidas não-oxidantes. O mecanismo de atuação de cada um destes biocidas varia, no entanto, a sua ação permite inibir o crescimento dos microrganismos. Os biocidas oxidantes mais utilizados são o cloro gasoso, o hipoclorito de sódio, peróxido de hidrogénio e também alguns compostos contendo bromo. Os biocidas não oxidantes apresentam na sua composição compostos de amónio quaternário e compostos organosulfurosos, por exemplo.

O uso de biocidas deve processar-se de forma temporizada ao longo do tempo e com as dosagens a ser calculadas em função do tempo de contato. A escolha dos biocidas a utilizar deve ter em conta o espetro microbiológico que se pretende controlar, a temperatura e o pH dos circuitos.

CONTACTE-NOS AGORA

 

Controlo de pH

O pH permite determinar se uma água é neutra, ácida ou básica. De acordo com esta classificação, a composição da água é diferente variando a percentagem de determinados componentes. O pH influencia o equilíbrio das concentrações de muitos componentes na água. Controlar o pH não é crucial apenas para um desempenho adequado em processos de tratamento de água, mas também é importante para a manutenção das condições dos equipamentos e do sistema de distribuição em qualquer aplicação.

O ajuste adequado do pH vai permitir alterar a tendência de uma água para ser corrosiva ou incrustante para os materiais com os quais contacta. Desta forma, o controlo de pH torna-se muito importante para a definição e eficácia de um programa de tratamento químico.  

 SAIBA MAIS

 

 

AIRTOP® SPRAY Desinfetante do ar

DESTAQUE DO MÊS

Poderoso bactericida, fungicida e virucida

AIRTOP® é um poderoso biocida com eficácia testada, comprovada e certificado na ação bactericida, fungicida e virucida em suspensão no ar. Pode também ser comercializado em líquido (jerrican de 10L e 25L).

AIRTOP® é a solução a aplicar em todos os locais onde se pretenda a desinfeção do ar e superfícies, eliminação de maus cheiros, de bactérias, fungos e vírus.

Utilizado com grande frequência na higienização de ar condicionado, desinfeção de filtros de ar, condensadores e todos os equipamentos de ar condicionado, AIRTOP® apresenta eficácia comprovada e certificada no combate à bactéria Legionella Pneumophila.

A sua pulverização de longo alcance dispersa micropartículas responsáveis pela eliminação eficaz de bactérias, fungos e vírus em suspensão no ar e nas superfícies.

  SAIBA MAIS SOBRE O AIRtop SPRAY